Dicas

4 cuidados imprescindíveis na terceira idade

Quando uma pessoa envelhece, muitas transformações acontecem na sua vida, levando à perda de determinadas capacidades, tanto físicas quanto psicológicas. A diminuição da capacidade auditiva e visual, por exemplo, são fatores que podem ser observados nessa fase da vida.

Diante disso, alguns cuidados na terceira idade são essenciais, visando amenizar o impacto das mudanças pelas quais o idoso passa.

Mas, afinal, o que fazer para garantir que alguém — principalmente aquela pessoa mais próxima, como o pai ou a mãe — tenha uma velhice tranquila e sem maiores complicações? Para te ajudar nesse sentido, listamos aqui 4 cuidados essenciais na terceira idade. Confira!

1. Manter uma alimentação saudável

Alimentar-se adequadamente e de forma equilibrada é algo que não se restringe a quem já está na terceira idade, mas que continua sendo muito importante para as pessoas que se encontram nesse estágio.

Primeiramente, a dieta deve ser balanceada, contendo fibras, vitaminas, gorduras, cálcio, proteínas, entre outros nutrientes fundamentais para que o organismo funcione da maneira correta. Logo, é necessário consumir frutas, legumes, verduras, carnes e ovos, por exemplo — levando em consideração que a quantidade deve estar de acordo com o tipo de alimento a ser consumido.

É interessante também consultar um nutricionista, pois ele pode prescrever uma dieta que consiga suprir todas as necessidades energéticas diárias da pessoa, adaptando-a às necessidades específicas e à rotina de cada um.

E não se esqueça da água! Para garantir uma boa hidratação, deve-se ingerir, no mínimo, 2 litros por dia.

2. Praticar exercícios físicos com moderação

Atividades físicas são importantes também na terceira idade, porém, de forma moderada, respeitando os limites e a idade de cada pessoa.

Caminhada, hidroginástica, musculação e Pilates são algumas modalidades indicadas para os idosos. Os serviços domésticos que, em geral, são realizados diariamente também entram nessa lista de atividades que podem, e devem, ser realizadas.

Contudo, é muito importante lembrar que, antes de iniciar a prática de qualquer exercício, um médico deve ser consultado.

3. Cuidar da audição

Observar a existência de algum problema auditivo é outro dos cuidados na terceira idade que podem contribuir para o bem-estar do idoso, aumentando sua autoestima e evitando o isolamento social.

Afinal, quando uma pessoa já não ouve bem, também costuma não conseguir se comunicar de maneira satisfatória. Dessa forma, conversar com familiares e amigos acaba se transformando algo extremamente desagradável. E, para evitar essa situação, a pessoa passa a se distanciar daqueles com os quais convive.

A perda auditiva nessa etapa da vida é comum, está ligada ao processo natural de envelhecimento. Porém, fatores genéticos, doenças e consumo de álcool, por exemplo, podem contribuir para que a condição se manifeste mais rapidamente.

Caso a pessoa não esteja ouvindo bem, é recomendável procurar um otorrinolaringologista — que, provavelmente, vai solicitar uma audiometria. Com o resultado em mãos, o profissional saberá qual é a sua necessidade auditiva, podendo indicar o tratamento mais adequado.

4. Investir nas relações sociais

Estar em contato com os familiares e com os amigos, contando com alguém para bater um papo descontraído, fazer um passeio ou aprender algo novo, é fundamental para melhorar a qualidade de vida de quem se encontra na terceira idade.

Essas relações sociais também podem se estender a outros grupos, nos quais o idoso se sinta satisfeito e acolhido, como aqueles voltados para a religião ou para a realização de trabalhos voluntários, por exemplo.

Seja como for, uma interação social sadia e de qualidade, com pessoas de várias idades, ajuda a manter corpo e mente saudáveis.

Por fim, é importante lembrar que a velhice nem sempre é sinônimo de incapacidade. Com algumas adaptações, é possível contribuir para que a pessoa passe pelo processo de envelhecimento com saúde e disposição, por isso, os cuidados na terceira idade nunca devem ser deixados de lado.

Então, gostou do post? Agora que já sabe quais cuidados são fundamentais para a terceira idade, que tal se informar sobre também sobre a audiometria?

Você, ou seu familiar, possui alguma dificuldade auditiva ? Dê o 1º passo, agende uma triagem e faça uma demonstração gratuita com nossas soluções. 0800 011 1000 ou www.audiumbrasil.com.br/agende

Você pode gostar
Entenda o que é Memória Auditiva
Entenda o que é a memória auditiva e conheça 3 dicas para desenvolvê-la
Surdez e o isolamento social: qual é a relação?
1 Comentário
  • Jonathan jun 21,2018 at 2018-06-21T18:05:31+00:000000003130201806

    Muito interessante o tema abordado, pois realmente pessoas na terceira idade necessitam de atenção em alguns aspectos que muitas vezes passam desapercebidos. Muito bom!

Deixe seu comentário

Seu Comentário*

Seu Nome*
Seu Site

Share This