Sobre a audição

Imitanciometria: entenda o que é e como fazer

Imitanciometria

Cuidar da saúde auditiva é importante em qualquer fase da vida. Porém, à medida que as pessoas vão ficando mais velhas, podem começar a não “ouvir bem”. Por esse motivo — e sempre que se notar qualquer problema ligado à audição — é importante fazer exames. Um deles é a imitanciometria.

Trata-se de um procedimento rápido, bastante simples e indolor. Pode ser feito em pessoas de qualquer idade e o objetivo principal é determinar como se encontra a saúde da orelha média e da tuba auditiva.

Neste post, abordaremos o conceito de imitanciometria e explicaremos como é realizado esse importante exame. Continue a leitura e saiba mais sobre o assunto!

O que é a imitanciometria?

Também conhecida por impedanciometria, é um dos diversos exames clínicos utilizados para diagnosticar perda auditiva, por meio da análise do funcionamento das estruturas que formam a orelha média e a tuba auditiva.

São três etapas:

  • timpanometria — é feita uma verificação do canal da orelha com o objetivo de certificar se o caminho até o tímpano está desobstruído;
  • teste de reflexo acústico — a pessoa fica exposta a sons de intensidade média a alta. Uma sonda mede a resposta dos músculos do ouvido médio. São utilizadas várias frequências, em uma orelha de cada vez e nas duas ao mesmo tempo, sendo possível indicar se há perda auditiva condutiva;
  • teste de decaimento do reflexo acústico — depois de se estabelecer o reflexo acústico, a intensidade do estímulo é ampliada e o reflexo é medido por dez segundos. Nesse caso, são observadas as mudanças na complacência (flacidez ou rigidez) da membrana do tímpano.

O que o exame avalia?

A imitanciometria indica as condições em que se encontram o tímpano, os ossículos da orelha média — martelo, bigorna e estribo — e a tuba auditiva — canal que liga o ouvido médio ao nariz e à garganta. Assim, é possível perceber se há infecção, por exemplo, entre outras disfunções. Para realizar essa avaliação é utilizado um aparelho chamado imitanciômetro.

Como a imitanciometria é realizada?

O procedimento pode levar até uma hora. O paciente deve estar sentado, dentro ou fora uma cabine acústica, e acordado. Em um ouvido, uma pequena sonda, que injeta pressão positiva e negativa, é introduzida no canal auditivo externo. No outro, é inserido um fone de ouvido.

No primeiro momento, observa-se a integridade e o desempenho da orelha média. Depois, alguns estímulos são transmitidos e diretamente recebidos pelo ouvido externo. Isso faz com que a membrana timpânica vibre e os ossículos se movimentem, levando os sons para o ouvido interno, que os conduz ao sistema nervoso.

Os reflexos do músculo estapédico também são analisados. O som se propagará de acordo com a rigidez ou flacidez da membrana e a resposta aos estímulos dependerá da intensidade do ruído e da condição da musculatura. Por fim, o impedanciômetro analisa se a pessoa ouve e entende os sons, e fornece informações detalhadas do mecanismo auditivo.

Não é necessária nenhuma preparação específica antes da realização da imitanciometria, mas é aconselhável evitar sons muito altos por volta de 14 horas antes do exame.

Em que casos o exame é indicado?

A imitanciometria é indicada em situações como tratamento de otite, triagem auditiva de bebês, além de pré e pós-operatório de cirurgia na orelha média. Também pode ser recomendada quando a pessoa apresenta perda auditiva, dor de ouvido constante e zumbido, por exemplo.

Que patologias podem ser diagnosticadas por meio da imitanciometria?

Além da perda da audição, o exame detecta zumbido no ouvido, otosclerose, otite, labirintite, perfuração do tímpano e disfunção da tuba auditiva.

Como vimos, a imitanciometria é um exame simples, rápido e que pode ser indicado para pessoas de todas as idades. Lembre-se: contar com a orientação de um profissional é fundamental, portanto, se você ou alguém de sua família vem apresentando algum sinal de perda auditiva  — ou qualquer outro problema auditivo — procure um especialista da área.

Na Audium, nós investimos em equipamentos que fazem a verificação da orelha média e da tuba auditiva.

Entre em contato conosco e veja como podemos ajudar você! 0800 011 1000

Você pode gostar
Estresse causa perda auditiva
Estresse causa perda auditiva? Saiba qual a relação existente!
doenças que causam surdez
Conheça 5 doenças que causam surdez
2 Comentários
  • ANTONIO ALVES DA SILVA maio 31,2019 at 2019-05-31T21:57:48+00:000000004831201905

    Fiz imitanciometria e o meu ouvido ficou muito censivel a quaiquer barulho, o que pode ser?

    • Audium jun 21,2019 at 2019-06-21T11:13:45+00:000000004530201906

      Oi Antonio. Tudo bem? A melhor forma é buscar um especialista para dar o diagnóstico – mas não tem relação… Etsamos a sua disposição em nossos centros auditivos – http://www.audiumbrasil.com.br

Deixe seu comentário

Seu Comentário*

Seu Nome*
Seu Site

Share This